@tocomfomemae

17 de agosto de 2020

Coalhada


A coalhada é um prato muito tradicional na culinária do Oriente Médio. Eu cresci comendo coalhada e sempre tinha uma panela enrolada com cobertor na sala esperando todo o processo de dessorar a coalhada. Quando fresca, ela pode ser comida com frutas e mel e seca como patês e aperitivos.

Nessa foto acima, finalizei a coalhada seca com orégano, páprica picante, gergelim preto, sal, reguei com azeite e finalizei com folhas de hortelã.



Para o preparo basta esquentar 1 litro de leite integral em uma panela grande, mas não deixe ferver (só até começar a aparecer pequenas bolhinhas na lateral da panela). Espere amornar até que consiga deixar seu dedo por pelo menos 10 segundos sem queimar. Depois adicione o iogurte integral (não pode ser iogurte grego) e misture bem.

Tampe a panela e mantenha fechada por pelo menos 8h.

Dica: aqui eu sempre enrolo um cobertor em volta da panela que ajuda no processo. Quanto mais tempo ela fermentar, mais ácido vai ficar.

No dia seguinte, destampe a panela e assim você já tem sua coalhada fresca, ideal para comer com frutas, granola e mel.

Para a coalhada seca, é preciso tirar todo o soro da sua coalhada. Forre uma peneira grande ou até mesmo o escorredor de macarrão com um pano de prato limpo e despeje toda a coalhada. O ideal é que deixe na geladeira por pelo menos 24h para tirar todo o soro. Eu deixei da última vez por 1 dia e meio e ficou bem cremoso. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário